Preços do petróleo atingem máxima de 2016 por dólar fraco e problemas na Nigéria

terça-feira, 7 de junho de 2016 09:02 BRT
 

LONDRES (Reuters) - Os preços do petróleo atingiram seus mais altos patamares em oito meses nesta terça-feira, impulsionados pelo dólar perto de uma mínima de um mês e pela queda da produção nigeriana após uma série de ataques em infraestruturas do setor.

O Brent subia mais de 1 por cento por volta das 9:00 (horário de Brasília), operando perto da máxima de 51,30 dólares o barril.

Os contratos futuros do petróleo nos EUA também oscilavam perto da máxima de 2016 a 50,22 dólares o barril.

"Com o Brent ficando acima de 50 dólares, o petróleo está em um momento de tendência de alta, com a retomada de refinarias francesas que foram fechadas por greve e os ataques a oleodutos na Nigéria", disse Kaname Gokon, da corretora Okato Shoji, em Tóquio.

O petróleo, juntamente com outras commodities, recebia suporte do dólar mais fraco, após a presidente do Federal Reserve, Janet Yellen, não indicar quando o banco central dos EUA vai elevar os juros.

(Por Amanda Cooper; reportagem adicional de Osamu Tsukimori em Tóquio)