8 de Junho de 2016 / às 16:11 / em um ano

Setor siderúrgico brasileiro piora estimativas de desempenho para 2016

SÃO PAULO (Reuters) - A industria siderúrgica do Brasil cortou nesta quarta-feira previsões para este ano, em meio à crise econômica do pais e cenário internacional pressionado por excesso de capacidade produtiva global.

A expectativa para a produção foi revista de queda de 1 por cento para recuo de 6,8 por cento em 2016, a 31 milhões de toneladas. Para as vendas internas, a estimativa foi cortada de queda de 4,1 por cento para redução de 10 por cento, a 16,4 milhões de toneladas, segundo dados do Instituto Aço Brasil, que representa o setor.

Por Alberto Alerigi Jr.

0 : 0
  • narrow-browser-and-phone
  • medium-browser-and-portrait-tablet
  • landscape-tablet
  • medium-wide-browser
  • wide-browser-and-larger
  • medium-browser-and-landscape-tablet
  • medium-wide-browser-and-larger
  • above-phone
  • portrait-tablet-and-above
  • above-portrait-tablet
  • landscape-tablet-and-above
  • landscape-tablet-and-medium-wide-browser
  • portrait-tablet-and-below
  • landscape-tablet-and-below