BC mantém Selic em 14,25% ao ano em decisão unânime

quarta-feira, 8 de junho de 2016 20:07 BRT
 

BRASÍLIA (Reuters) - O Banco Central manteve nesta quarta-feira a taxa básica de juros em 14,25 por cento ao ano, decisão amplamente esperada pelo mercado, destacando que a inflação ainda está muito elevada para permitir corte de juros, na última reunião do Comitê de Política Monetária (Copom) com Alexandre Tombini na presidência do BC.

"O Comitê reconhece os avanços na política de combate à inflação, em especial a contenção dos efeitos de segunda ordem dos ajustes de preços relativos. No entanto, considera que o nível elevado da inflação em doze meses e as expectativas de inflação distantes dos objetivos do regime de metas não oferecem espaço para flexibilização da política monetária", trouxe o comunicado do BC.

Em pesquisa Reuters, todos os 43 economistas consultados estimaram que a taxa básica de juros seguiria em 14,25 por cento ao ano, marcando a sétima vez consecutiva em que a autoridade monetária não mexe na Selic.

(Por Marcela Ayres)