Presidente da CSN diz que divisão da Usiminas agora não é melhor opção

quinta-feira, 9 de junho de 2016 14:17 BRT
 

SÃO PAULO (Reuters) - O presidente-executivo da CSN, Benjamin Steinbruch, disse nesta quinta-feira não considerar uma boa ideia uma divisão dos ativos da rival Usiminas, empresa da qual é sócia.

"Tem que ser observado o que for melhor para a empresa. Parece para mim que a Usiminas unida é muito mais valorosa." "certamente hoje a união faz a força e dividir a empresa neste momento é ruim", disse Steinbruch a jornalistas, durante congresso do setor.

O executivo evitou detalhar se a CSN vai acatar a decisão do Conselho Administrativo de Defesa Econômica (Cade) para vender a participação na Usiminas ou tomar alguma medida jurídica.

"O futuro, a Deus pertence", afirmou.

(Por Alberto Alerigi Jr.)