Bovespa fecha no azul com ajuda de Petrobras, mas queda em Wall St reduz ganhos

sexta-feira, 17 de junho de 2016 17:44 BRT
 

Por Priscila Jordão

SÃO PAULO (Reuters) - A Bovespa fechou com leve ganho nesta sexta-feira, com a alta dos preços do petróleo favorecendo os papéis da Petrobras e algum alívio na aversão ao risco no exterior, mas a queda das ações norte-americanas acabou pressionando o pregão local.

O Ibovespa fechou com variação positiva de 0,25 por cento, a 49.533 pontos. O giro financeiro foi de 7,2 bilhões de reais.

Na semana, o índice teve ganho de 0,23 por cento.

Mais cedo, o índice chegou a subir 1,58 por cento, conforme o mercado recalculava a possibilidade de a Grã-Bretanha decidir deixar a União Europeia em referendo na semana que vem.

Analistas afirmaram que o assassinato da parlamentar Jo Cox poderia motivar o sentimento de apoio à permanência da Grã-Bretanha na União Europeia, em um momento em que a campanha pela saída estava ganhando força.

Isso levou a um aumento do apetite ao risco, mas o movimento foi visto como momentâneo. Nos Estados Unidos, o S&P 500 recuou 0,33 por cento, com a queda das ações da Apple pressionando o mercado, e acabou reduzindo a alta da Bovespa.

Do lado doméstico, delações premiadas continuaram contribuindo para o clima de incerteza no cenário político.

De acordo com a Lerosa Investimentos, uma recuperação mais vigorosa do mercado pode vir com um cenário político menos tenso e maior governabilidade do presidente interino Michel Temer.   Continuação...