Yellen reafirma cautela sobre juros por referendo britânico e desaceleração de contratações

terça-feira, 21 de junho de 2016 11:19 BRT
 

WASHINGTON (Reuters) - Os riscos internacionais e a desaceleração das contratações nos Estados Unidos justificam uma postura cautelosa para elevar os juros enquanto o Federal Reserve, banco central norte-americano, busca confirmação de que a recuperação econômica do país continua, disse nesta terça-feira a chair do Fed, Janet Yellen.

Em discurso preparado para pronunciamento no Comitê Bancário do Senado, Yellen descreveu como o banco central foi desviado do curso semanas depois de elevar os juros em dezembro por uma desaceleração no crescimento doméstico e por eventos internacionais, incluindo preocupações com a economia da China e o colapso dos preços do petróleo.

Antes de novo aperto monetário, disse ela, o Fed precisa ter certeza de que o crescimento econômico dos EUA e as contratações recuperaram força, e que não há choque com o resultado do referendo sobre a permanência da Grã-Bretanha na União Europeia, em 23 de junho.

(Reportagem de Howard Schneider e Jason Lange)