Alemanha, França e Itália traçam novas metas para a UE

segunda-feira, 27 de junho de 2016 15:26 BRT
 

BERLIM (Reuters) - Alemanha, França e Itália disseram que vão propor um plano claro para assegurar as fronteiras da União Europeia, reforçar a economia e criar empregos para os jovens em uma cúpula da UE a ser realizada na terça-feira para discutir a saída da Grã-Bretanha do bloco.

A chanceler alemã, Angela Merkel, o presidente francês, François Hollande, e o primeiro-ministro italiano, Matteo Renzi, afirmaram, em uma comunicado conjunto, após conversas em Berlim que a UE precisa do apoio de seu povo para seguir adiante e deve responder às preocupações dele.

"Vamos propor amanhã ... o lançamento de um processo baseado em um calendário rigoroso e compromissos claros para responder aos desafios apresentados pelos resultados do referendo britânico", informou o comunicado em francês.

No documento, os três líderes concordaram sobre a necessidade de "desenvolver soluções concretas para um bom futuro para os europeus no centro da União Europeia".

(Reportagem de Joseph Nasr)

 
Renzi, Merkel e Hollande durante entrevista em Berlim
 27/6/2016 REUTERS/Hannibal Hanschke