Mercados chinesas têm ganhos sólidos na semana com temores menores sobre Reino Unido

sexta-feira, 1 de julho de 2016 07:55 BRT
 

XANGAI/CINGAPURA (Reuters) - As bolsas chinesas tiveram leve alta nesta sexta-feira, apresentando sólidos ganhos durante uma semana em que os principais índices devolveram as quedas provocadas pela votação do Reino Unido para deixar a União Europeia.

A confiança também foi ajudada por dados mostrando que o crescimento do setor de serviços da China acelerou em junho, e com os esforços do governo para aliviar os temores de que possa haver uma depreciação acelerada do iuan.

O índice CSI300, que reúne as maiores companhias listadas em Xangai e Shenzhen, teve variação positiva de 0,01 por cento, enquanto o índice de Xangai subiu 0,11 por cento.

Na semana, o CSI300 acumulou ganhos de 2,5 por cento, enquanto o SSEC avançou 2,7 por cento.

No restante da região, os mercados também avançaram, com os investidores continuando a se recuperar do resultado do referendo britânico.

Às 7:52, o índice MSCI que reúne ações da região Ásia-Pacífico com exceção do Japão subia 0,51 por cento.

O índice recuperou quase todas as perdas sofridas na sexta-feira passada, quando os mercados globais caíram em resposta à decisão britânica de deixar a UE.

Ele ganhou 3,6 por cento desde o fechamento de sexta-feira com uma combinação de cobertura de posições vendidas e alívio que o referendo não tenha contagiado o sistema financeiro global como aconteceu com os mercados durante a crise de 2008/09.

. Em TÓQUIO, o índice Nikkei avançou 0,68 por cento, a 15.682 pontos.   Continuação...