Criação de vagas de trabalho nos EUA se recupera em junho, em impulso para a economia

sexta-feira, 8 de julho de 2016 12:24 BRT
 

WASHINGTON (Reuters) - A criação de vagas nos Estados Unidos aumentou em junho por conta do avanço no emprego na indústria, em mais uma evidência de que a economia recuperou ritmo, mas o aumento fraco dos salários pode fazer com que o Federal Reserve, banco central norte-americano, continue cauteloso para elevar a taxa de juros.

A criação de vagas fora do setor agrícola nos EUA somou 287 mil no mês passado, maior ganho desde outubro passado, informou o Departamento do Trabalho nesta sexta-feira. A criação de empregos em maio foi revisada para apenas 11 mil, contra 38 mil divulgado anteriormente.

A taxa de desemprego aumentou 0,2 ponto percentual, para 4,9 por cento, pois mais pessoas entraram para a força de trabalho, sinal de confiança do mercado de trabalho.

O fraco crescimento do salário, por outro lado, foi o ponto negativo. A média dos ganhos por hora aumentou apenas dois centavos, ou 0,1 por cento, em junho. Na comparação de ganhos com o ano anterior, houve alta de 2,6 por cento, após avançar 2,5 por cento em maio.

Os sinais de força da economia vão ser bem recebidos pelas autoridades do Fed, mas dado que o banco central prefere esperar por mais dados para avaliar o impacto na economia da chocante decisão do Reino Unido no mês passado para deixar a União Europeia, isso provavelmente não terá impacto na previsão de curto prazo para a taxa de juros.

O emprego na indústria aumentou em 14 mil vagas no mês passado, após corte de 16 mil postos de trabalho em maio.

(Por Lucia Mutikani)

 
Homem preenchendo formulário em feira de empregos na Filadélfia, EUA.  25/07/2013       REUTERS/Mark Makela/File Photo