Dólar cai ante real pela 3ª sessão com eleição de Maia na Câmara dos Deputados

quinta-feira, 14 de julho de 2016 17:23 BRT
 

Por Bruno Federowski

SÃO PAULO (Reuters) - O dólar fechou em queda frente ao real pela terceira sessão consecutiva nesta quinta-feira, após a eleição do deputado Rodrigo Maia (DEM-RJ), considerado pragmático e com bom trânsito com o presidente interino Michel Temer, como presidente da Câmara dos Deputados.

O dólar recuou 0,46 por cento, a 3,2595 reais na venda, após chegar a 3,2175 reais na mínima da sessão.

A moeda norte-americana acumulou queda de 1,53 por cento em três sessões. O dólar futuro caía cerca de 0,20 cento no fim da tarde.

"Maia representou nova conquista do presidente interino visto que tende a 'jogar lado a lado' com o mesmo no que tange à aprovação de medidas relevantes ao ajuste fiscal no Congresso", escreveram analistas da corretora H.Commcor em nota a clientes.

A eleição de Maia como sucessor do deputado afastado Eduardo Cunha (PMDB-RJ) dá fim à instabilidade causada nos trabalhos da Casa pelas idas e vindas sob a interinidade do primeiro vice-presidente Waldir Maranhão (PP-MA).

A votação foi bem recebida pelo mercado, que demonstrava preocupação com o crescimento da candidatura de Marcelo Castro (PMDB-PI).

Castro se posicionou contra o impeachment da presidente afastada Dilma Rousseff, assustando investidores que culpam as política adotadas em seu primeiro mandato por aprofundar a crise econômica no Brasil.

O dólar chegou a cair mais de 1 por cento frente ao real no intradia, mas reduziu as perdas durante a tarde em movimento de realização de lucros e alinhou-se com os pares da América Latina.   Continuação...