Kroton e Estácio poderão desistir de união dependendo de restrições impostas pelo Cade

sexta-feira, 15 de julho de 2016 08:11 BRT
 

SÃO PAULO (Reuters) - Os dois maiores grupos de educação superior privada do país, Kroton e Estácio, poderão desistir da combinação de seus negócios se o órgão de defesa da concorrência impuser restrições que reduzam o faturamento combinado de ambas em pelo menos 15 por cento, informaram as empresas.

Em comunicados ao mercado enviados na noite de quinta-feira, as empresas afirmaram ainda que poderão desistir da operação se o Cade impuser venda ou restrição definitiva ao uso da marca Estácio.

(Por Alberto Alerigi Jr.)