Wells Fargo tem queda no lucro trimestral com aumento de provisões

sexta-feira, 15 de julho de 2016 12:17 BRT
 

(Reuters) - O Wells Fargo, maior concessor de hipotecas dos Estados Unidos, teve queda de 3,5 por cento no lucro do segundo trimestre, pressionado por um aumento nas provisões para perdas com empréstimos.

O banco teve lucro líquido atribuível a acionistas de 5,2 bilhões de dólares no segundo trimestre, ante 5,4 bilhões no mesmo período de 2015.

O lucro por ação no período passou caiu para 1,01 dólar por ação, de de 1,03 dólar, dentro da média de expectativas de analistas, segundo dados da Thomson Reuters I/B/E/S. A receita cresceu 4 por cento, para 22,2 bilhões de dólares.

As provisões para perdas com crédito subiram para 1,1 bilhão de dólares, mais que o tripo do registrado um ano antes e 49 por cento acima do primeiro trimestre de 2016.

O resultado veio depois que Citigroup divulgou mais cedo queda menor que a esperada no lucro do segundo trimestre.

(Por Nikhil Subba em Bangalore, Índia)