Militantes atacam oleoduto de petroleira estatal na Nigéria

segunda-feira, 18 de julho de 2016 18:19 BRT
 

YENAGOA, Nigéria (Reuters) - Militantes na Nigéria atacaram um oleoduto nos arredores de Warri, uma cidade no Delta do Níger, que é operado por uma subsidiária da empresa estatal de petróleo da Nigéria NNPC, disse um líder comunitário nesta segunda-feira.

Militantes que pedem para que uma maior parcela da riqueza energética da Nigéria vá para a região empobrecida do Delta têm atacado unidades de petróleo e gás na região sul nos últimos meses, pressionando a produção de petróleo do país para mínimas de 30 anos.

Duas explosões foram ouvidas nos oleodutos da Pipelines and Product Marketing Company (PPMC) na noite de domingo, disse o presidente da comunidade de Batan, Ogugu Dickson. Uma fonte da segurança disse que também houveram explosões na cidade de Batan.

"Essa manhã eu e alguns trabalhadores da PPMC e agentes de segurança estivemos no local. Tudo que conseguimos ver foi uma grande bolha de petróleo na superfície do rio", disse Dickson. Unidades de petróleo em Batan foram atacadas nos últimos meses.

A NNPC não estava disponível para comentários.

Nenhum grupo reivindicou o ataque. O grupo Vingadores do Delta do Níger, que reivindicaram ataques nos últimos meses, disseram que não estão por trás das explosões.

(Por Tife Owolabi; reportagem adicional de Felix Onuah e Alexis Akwagyiram)