Dow Jones e S&P 500 renovam recordes, liderados por ações de tecnologia e bancos

segunda-feira, 18 de julho de 2016 18:49 BRT
 

Por Lewis Krauskopf e Rodrigo Campos

(Reuters) - Os principais índices acionários dos Estados Unidos fecharam com leves altas nesta segunda-feira, o suficiente para novos recordes do S&P 500 e do Dow Jones, impulsionados pelo lucro melhor que o esperado do Bank of America e com aquisição no setor de tecnologia.

O índice Dow Jones subiu 0,09 por cento, a 18.533 pontos, na sétima alta consecutiva, enquanto o S&P 500 ganhou 0,24 por cento, a 2.166 pontos. O índice de tecnologia Nasdaq avançou 0,52 por cento, a 5.055 pontos.

O acordo de 32 bilhões de dólares do banco japonês SoftBank para comprar a projetista britânica de chip ARM Holdings impulsionou as ações de empresas de chips nos Estados Unidos e o setor de tecnologia liderou os ganhos no S&P 500. O Nasdaq, de tecnologia, subiu mais que os outros dois índices.

O acordo levou as ações a ARM negociadas nos EUA a subiram 40,5 por cento, enquanto o índice de semicondutores do S&P 500 subiu 1,5 por cento.

A divulgação do resultado do Bank of America manteve a força em ações bancárias nos EUA, iniciada pelo JPMorgan na semana passada. As ações do banco subiram 3,3 por cento, para 14,11 dólares, ajudando o índice do setor financeiro do S&P 500 a subir 0,4 por cento.

A queda esperada para os lucros das empresas que compõem o S&P 500 agora é de 4,5 por cento no segundo trimestre, ante 5 por cento no primeiro, e mais empresas devem superar as estimativas de analistas, segundo dados da Thomson Reuters.