S&P 500 recua de máximas e Dow Jones tem 8ª sessão de alta

terça-feira, 19 de julho de 2016 18:33 BRT
 

Por Lewis Krauskopf

(Reuters) - O S&P 500 recuou de máximas históricas, enquanto o Dow Jones subiu pela oitava sessão seguida, conforme os investidores digeriam resultados corporativos mistos em meio a expectativas de crescimento econômico global menor.

O índice Dow Jones subiu 0,14 por cento, a 18.559 pontos, enquanto o S&P 500 recuou 0,14 por cento, a 2.163 pontos. O índice de tecnologia Nasdaq caiu 0,38 por cento, a 5.036 pontos.

O resultado trimestral decepcionante do Netflix pressionou o S&P 500 e o Nasdaq, enquanto os fortes resultados e a projeção da Johnson & Johnson ajudaram a alta do Dow Jones.

O Fundo Monetário Internacional (FMI) cortou sua projeção de crescimento global para os próximos dois anos, citando incertezas pela saída britânica da União Europeia (UE).

Mesmo com as preocupações econômicas geradas pelo recente referendo britânico, o S&P 500 e o Dow Jones atingiram máximas recordes nos últimos dias. No entanto, investidores estão monitorando de perto os resultados das empresas norte-americanas à espera de sinais que indiquem se a força do mercado acionário pode ser mantida.

Dos 10 setores do S&P 500, oito encerraram em baixa. As ações dos setores de matéria-prima e de energia caíram, conforme uma alta do dólar pressionou o petróleo e outras commodities denominadas na moeda.

A expectativa é que os lucros das empresas do S&P 500 caiam 4,3 por cento no segundo trimestre, segundo dados da Thomson Reuters I/B/E/S.