Ministro russo diz que não há discussão sobre coordenação com Opep sobre produção

quarta-feira, 20 de julho de 2016 16:41 BRT
 

MOSCOU (Reuters) - O ministro da Energia da Rússia Alexandre Novak disse em entrevista que não há discussão sobre uma possível coordenação com a Organização dos Países Exportadores de Petróleo (Opep) na produção de petróleo, após uma tentativa falha de manter conjuntamente os níveis de produção mais cedo neste ano.

"Nós não discutimos a questão de coordenação de ações entre a Rússia e a Opep... Nós não podemos concordar em cortes na produção se não temos tais ferramentas e mecanismos", disse Novak à Reuters, em entrevista liberada para publicação na quarta-feira.

A Opep e outros grandes produtores, incluindo a Rússia, não entraram em acordo em Doha em abril sobre congelar a produção de petróleo para sustentar a queda dos preços.

Os preços globais do petróleo atingiram uma mínima de 13 anos de 27 dólares por barril em janeiro devido ao excesso de oferta, mas se recuperaram desde então, a 50 dólares por barril.

O fraco preço do petróleo, a principal commodity de exportação de Moscou, atingiu a economia russa, que encolheu 3,7 por cento no último ano.

Na entrevista com a Reuters, Novak disse que a Rússia vê sua cooperação com a Opep focada na troca de informações e análises sobre o mercado global de petróleo, ao invés de focar na coordenação da produção.

(Por Katya Golubkova, Vladimir Soldatkin e Oksana Kobzeva, Denis Pinchuk, Alexander Ershov, Natalia Chumakova, Darya Korsunskaya e Anastasiya Lyrchikova)