Governo prevê Luiz Alquéres na presidência do Conselho da Eletrobras, diz fonte

quarta-feira, 20 de julho de 2016 17:16 BRT
 

Por Luciano Costa

SÃO PAULO (Reuters) - O governo federal deve indicar o ex-presidente e ex-conselheiro da Eletrobras José Luiz Alquéres para presidir a nova formação do Conselho de Administração da elétrica, afirmou uma fonte do governo à Reuters nesta quarta-feira.

Alquéres já foi presidente também da Light e da Alstom, e atualmente presta consultoria.

A ideia original do governo era colocar no comando do colegiado o consultor especializado em gestão Vicente Falconi, que agora deverá ser apenas chamado para compor o conselho.

"Era uma vontade do governo... só que ser presidente tem muitas coisas diferentes para administrar, e ele já tem participação no conselho de outras empresas, é um tipo de compromisso que ele não conseguiria", afirmou a fonte, que pediu anonimato porque as negociações de nomes são privadas.

Apontado como especialista na reestruturação de empresas, Falconi atualmente participa do conselho da Ambev. Ele também fez parte, em 2001, do Comitê de Gestão da Crise de Energia Elétrica, criado então pelo governo para lidar com um racionamento de eletricidade no país e comandado por Pedro Parente, atual presidente da Eletrobras.

Já Alquéres fazia parte do conselho da Eletrobras, mas renunciou ao cargo em 2012 após o governo exigir que a elétrica aceitasse um pacote de medidas do governo para reduzir as contas de luz.

A Eletrobras discutirá a formação de seu Conselho de Administração em assembleia de acionistas na sexta-feira. Também deve ser aprovado na assembleia o nome do ex-CEO da CPFL Wilson Ferreira Jr. para ocupar a presidência executiva da companhia.