Tradings estatais indianas abrem licitação para importar 330 mil t de milho

sexta-feira, 22 de julho de 2016 17:26 BRT
 

MUMBAI (Reuters) - As duas tradings estatais indianas lançaram licitação para importar 330 mil toneladas de milho não transgênico, em um momento em que o governo tenta melhorar as reservas do grão para manter um teto para os preços locais.

A PEC Limited abriu um leilão para importar 200 mil toneladas de milho para embarque em dezembro de 2016 e janeiro de 2017. O último dia para fazer ofertas é 29 de julho, disse a companhia em seu site.

A State Trading Corp of India procura 130 mil toneladas de milho para embarque em agosto. A última data para apresentar ofertas é 28 de julho, de acordo com seu site.

A Índia teve dificuldade em adquirir milho não transgênico no fim de 2015 e mais cedo neste ano. A única cultura transgênico que o país aceitar é o algodão.

A Reuters reportou neste mês que a Índia havia pedido para uma outra trading vinculada ao governo para importar meio milhão de toneladas de milho.

Produtores indianos plantam milho duas vezes por ano. A safra de inverno é plantada em outubro, com a colheita em março e abril. O plantio da safra de verão já começou e o abastecimento só estará disponível a partir do fim de setembro.

(Por Rajendra Jadhav)