Bradesco prevê estabilização de índice de inadimplência na virada do ano

quinta-feira, 28 de julho de 2016 11:44 BRT
 

SÃO PAULO (Reuters) - O Bradesco prevê que seu índice de inadimplência seguirá subindo levemente nos próximos trimestres, podendo se estabilizar na virada do ano, disse nesta quinta-feira o diretor executivo e diretor de relações com investidores, Luiz Carlos Angelotti.

"Há alguns indicadores antecedentes de melhora da confiança na economia, o que pode se refletir na inadimplência na virada do ano", disse Angelotti em teleconferência com jornalistas.

No começo da manhã, o banco informou que seu índice de inadimplência acima de 90 dias cresceu para 4,6 por cento, ante 4,2 por cento do trimestre anterior, que já tinha sido o pico em quase quatro anos.

Angelotti também previu que a carteira de crédito do banco pode crescer um dígito em 2017, em linha com a retomada da economia. Após a carteira de crédito total ter retração de 3,4 por cento em 12 meses até junho, o Bradesco reduziu a previsão para este ano para queda de 4 por cento a estabilidade sobre 2015 ante estimativa anterior de alta de 1 a 5 por cento.

(Por Aluísio Alves)