Crescimento econômico da zona do euro desacelera no 2º tri

sexta-feira, 29 de julho de 2016 08:33 BRT
 

BRUXELAS (Reuters) - O crescimento econômico da zona do euro desacelerou no segundo trimestre diante da estagnação na França, enquanto o desemprego permaneceu pouco acima de 10 por cento em junho, de acordo com dados divulgados nesta sexta-feira.

A agência de estatísticas da União Europeia, Eurostat, informou que o Produto Interno Bruto (PIB) dos 19 países que usam a moeda única cresceu 0,3 por cento na comparação trimestral no período entre abril e junho, desacelerando ante a expansão de 0,6 por cento no primeiro trimestre do ano.

Na comparação anual, o PIB da zona do euro avançou 1,6 por cento, contra 1,7 por cento no primeiro trimestre.

A leitura trimestral ficou em linha com as projeções de economistas consultados pela Reuters, enquanto a estimativa para o dado anual era de crescimento de 1,5 por cento.

A Eurostat não publica dados do PIB de países individuais da zona do euro com suas estimativas preliminares, mas a agência de estatísticas da França informou mais cedo que a economia do país estagnou no período.

Em comunicado separado, a Eurostat informou que o desemprego na zona do euro permaneceu em 10,1 por cento em junho, o que significa que 16,3 milhões de pessoas estavam desempregadas naquele mês.

(Reportagem de Francesco Guarascio)

 
Estátua do logo do euro vista na ex-sede do Banco Central Europeu, em Frankfurt.   17/07/2015       REUTERS/Kai Pfaffenbach