Usiminas visa geração de caixa de ao menos R$1,2 bi em 2017 para bancar dívida e investimentos

terça-feira, 9 de agosto de 2016 18:09 BRT
 

SÃO PAULO (Reuters) - A Usiminas informou nesta segunda-feira que está trabalhando para alcançar um resultado operacional medido pelo lucro antes de juros, impostos, depreciação e amortização (Ebitda, na sigla em inglês) de 1,2 bilhão de reais no mínimo em 2017 para fazer frente a obrigações financeiras e investimentos.

A companhia afirmou ainda em comunicado ao mercado que tem como meta alcançar Ebitda de pelo menos 2 bilhões de reais a partir de 2019.

"A Usiminas ressalta, ainda, que os valores não constituem projeções da companhia, mas apenas metas gerenciais internas que sua administração está trabalhando para atingir", afirmou a empresa em comunicado ao mercado.

A Usiminas teve em 2015 Ebitda negativo em 2,32 bilhões de reais, ante resultado positivo de 1,86 bilhões em 2014.

A maior produtora de aços planos do país em capacidade instalada do país teve prejuízo líquido de 123 milhões de reais no segundo trimestre, sobre resultado negativo de 151 milhões apurado entre abril e junho do ano de 2015.

(Por Alberto Alerigi Jr.)