BTG Pactual tem lucro líquido de R$940 mi no 2º tri

terça-feira, 9 de agosto de 2016 23:13 BRT
 

SÃO PAULO (Reuters) - O Grupo BTG Pactual informou nesta terça-feira que teve lucro líquido de 940 milhões de reais no segundo trimestre, queda de 8 por cento ante mesma etapa de 2015, com um forte aumento das despesas operacionais.

As despesas operacionais do grupo subiram 55 por cento na comparação com o segundo trimestre de 2015, para 1,578 bilhão de reais. Na comparação com o primeiro trimestre deste ano, contudo, as despesas recuaram 13 por cento.

"Os resultados do nosso programa de redução de custos ainda não estão totalmente refletidos no trimestre, pois ainda temos que registrar os custos de rescisão e outros custos relacionados no período", disse o banco no comunicado.

As receitas totais do grupo somaram 2,595 bilhões de reais entre abril e junho, aumento de 27 por cento sobre um ano antes. Na comparação com o trimestre imediatamente anterior, porém, houve, recuo de 28 por cento, devido sobretudo a desempenhos mais fracos das áreas de gestão de recursos de terceiros.

Em relação ao primeiro trimestre deste ano, o lucro líquido do BTG recuou 12 por cento.

A rentabilidade anualizada sobre o patrimônio líquido (Roae), que mede como os bancos remuneram o capital de seus acionistas, caiu 4,9 pontos percentuais, para 16,1 por cento.

No fim de junho, a carteira de empréstimos corporativos do BTG Pactual era de 21,7 bilhões de reais, o que representa uma queda de 47,9 por cento sobre um ano antes e de 15,9 por cento sobre março.

O grupo atribuiu a queda a operações de pré-pagamento e à valorização do real em relação ao dólar.

O BTG Pactual vem tentando superar os efeitos da prisão de seu fundador André Esteves, no final do ano passado, no âmbito das investigações da operação Lava Jato, que provocaram forte saída de recursos do grupo.   Continuação...