Wall St fecha em queda e se afasta das máximas históricas por recuo do petróleo

quarta-feira, 10 de agosto de 2016 17:58 BRT
 

Por Noel Randewich

(Reuters) - Os principais índices acionários dos Estados Unidos afastaram-se das máximas históricas nesta quarta-feira, após o tombo dos preços do petróleo pressionar as ações das empresas do setor de energia, enquanto a ação da Walt Disney disparou após a companhia divulgar balanço e uma aquisição.

O índice Dow Jones fechou em queda de 0,2 por cento, a 18.495 pontos, enquanto o S&P 500 perdeu 0,29 por cento, a 2.175 pontos. O índice de tecnologia Nasdaq recuou 0,4 por cento, a 5.204 pontos.

Um rali desde o fim de junho elevou os ganhos do S&P 500 neste ano a mais de 6 por cento. Juros baixos encorajam investidores a comprar ações norte-americanas, embora muitos se preocupem com os preços elevados.

O índice de energia recuou 1,41 por cento, pressionado pela queda dos preços do petróleo após o governo dos Estados Unidos divulgar surpreendente aumento dos estoques da commodity.

A ação da Exxon Mobil perdeu 1,75 por cento, exercendo o maior peso sobre o S&P 500 e o Dow Jones.

"Quando vimos os estoques nesta manhã, isso certamente derrubou o setor de energia, que arrastou consigo quase todo o resto do mercado", disse o diretor regional de investimentos do The Private Client Reserve of U.S. Bank, Tim Dreilling.

"Para avançar mais, precisamos ver melhora nos balanços, e isso só acontecerá com melhora econômica".

O papel da Walt Disney avançou 1,23 por cento após a companhia divulgar resultados melhores que as expectativas e informar que vai comprar fatia de 33 por cento na empresa de transmissão de vídeos BAMTech. Foi a ação que mais somou pontos ao S&P 500 e ao Dow.