Copel deixa consórcio de empresas que estuda hidrelétrica do Tapajós

quarta-feira, 10 de agosto de 2016 17:57 BRT
 

SÃO PAULO (Reuters) - A estatal paranaense de energia Copel decidiu deixar o consórcio de empresas que estuda o projeto de construção de hidrelétricas no rio Tapajós, no Pará, segundo ata de reunião do Conselho de Administração da companhia divulgada nesta quarta-feira.

O grupo de empresas interessadas no projeto envolve Eletronorte, subsidiária da estatal federal Eletrobras, Neoenergia, Cemig e Camargo Corrêa, além da espanhola Endesa e as francesas EDF e Engie.

(Por Luciano Costa)