Marfrig diz não haver fato relevante em andamento sobre debêntures detidas por BNDESPar

quinta-feira, 11 de agosto de 2016 09:02 BRT
 

SÃO PAULO (Reuters) - O presidente da empresa de alimentos Marfrig, Martin Secco, afirmou nesta quinta-feira que a companhia não tem em andamento nenhum fato relevante sobre negociações com o BNDES para resgate de debêntures da empresa detidas pelo braço de participações do banco de fomento.

Em teleconferência com jornalistas, o executivo foi questionado sobre reportagem do jornal Valor Econômico que afirma que a Marfrig está negociando com o BNDES o resgate de debêntures obrigatoriamente conversíveis em ações e que já teria acenado "com uma oferta de 1,2 bilhão de reais para resgatar as debêntures".

"Não há nenhum fato relevante que podemos comentar sobre isso, nem nenhum em andamento", disse Secco. "Não vamos fazer comentários sobre rumores de mercado, ainda que sobre valores que consideramos absolutamente absurdos", acrescentou o executivo.

Mais cedo, a companhia divulgou que teve prejuízo líquido no segundo trimestre de cerca de 132 milhões de reais ante resultado negativo de 6,5 milhões no mesmo período do ano passado.

(Por Alberto Alerigi Jr.)