Bovespa recua após máxima em quase 2 anos, mas Vale e Petrobras limitam perda

terça-feira, 16 de agosto de 2016 17:41 BRT
 

Por Paula Arend Laier

SÃO PAULO (Reuters) - A Bovespa fechou com o seu principal índice em queda nesta terça-feira, embora a alta de Vale e da Petrobras, na esteira de ganhos de commodities, tenha amortecido movimento de realização de lucros no pregão local.

O Ibovespa recuou 0,49 por cento, a 58.855 pontos. O volume financeiro somou 7 bilhões de reais.

Na segunda-feira, o Ibovespa encerrou no maior nível de fechamento desde 8 de setembro de 2014. O ganho acumulado no mês ainda soma 2,7 por cento e, no ano, alcança 35,8 por cento.

A queda nos pregões em Wall Street após máximas recordes na véspera corroborou com a fraqueza no pregão local, embora o avanço nos preços de commodities tenha dado suporte a ações com peso relevante no Ibovespa, limitando as perdas.

A segunda prévia da nova carteira teórica do Ibovespa que vai vigorar de setembro a dezembro deste ano, divulgada nesta sessão, manteve a saída da estatal paulista de energia Cesp já anunciada na primeira preliminar.

DESTAQUES

- VALE encerrou com as preferenciais valorizando-se em 1,13 por cento e as ordinárias subindo 2,98 por cento, na esteira da forte alta dos preços do minério de ferro à vista na China   Continuação...