Bolsas dos EUA recuam de máximas após comentários de autoridades do Fed sobre juros

terça-feira, 16 de agosto de 2016 18:11 BRT
 

(Reuters) - Os índices acionários dos Estados Unidos caíram após máximas recordes nesta terça-feira com comentários de autoridades do Federal Reserve alimentando a especulação sobre um aumento da taxa de juros este ano.

O presidente do Federal Reserve de New York, William Dudley, disse que um aumento de juros em setembro é possível, enquanto o presidente do Fed de Atlanta, Dennis Lockhart, disse que a economia norte-americana está forte o suficiente para suportar pelo menos um aumento antes do final de 2016, com a possibilidade de dois aumentos.

Os comentários das autoridades do Fed aumentaram a expectativa dos operadores por uma elevação dos juros nos EUA este ano, de acordo com a ferramenta FedWatch, do CME Group.

A continuidade das expectativas de juros baixos ajudou as ações a atingirem máximas recordes, com o S&P 500 registrando 10 máximas históricas até o momento este ano.

O índice Dow Jones caiu 0,45 por cento, a 18.552 pontos, enquanto o S&P 500 perdeu 0,55 por cento, a 2.178 pontos. O índice de tecnologia Nasdaq recuou 0,66 por cento, a 5.227 pontos.

(Por Caroline Valetkevitch; reportagem adicional pr Yashaswini Swamynathan)