Volta à inflação na zona do euro é confirmada com alta nos preços de alimentos

quinta-feira, 18 de agosto de 2016 07:06 BRT
 

BRUXELAS (Reuters) - Uma modesta alta na inflação na zona do euro foi confirmada em julho, embora os índices de preços tenham caído em 12 dos 19 países membros, segundo dados divulgados pela agência de estatística da União Europeia nesta quinta-feira.

Os preços na zona do euro subiram 0,2 por cento na comparação anual, confirmando a leitura preliminar. Na comparação mensal, os preços caíram 0,6 por cento em relação a junho.

O núcleo da inflação, que exclui os componentes mais voláteis de alimentos não processados e energia, permaneceu em 0,8 por cento em julho. O indicador que exclui energia, alimentos, álcool e produtos de tabaco subiu 0,9 por cento. Ambos vieram em linha com as estimativas iniciais.

Os preços de frutas subiram 6,4 por cento em julho na comparação anual e os dos vegetais avançaram 5,6 por cento. A alta de 1,6 por cento em bases anuais nos restaurantes e cafés foi a principal contribuição para o número geral da zona do euro.

(Por Alastair Macdonald)