Lucro da Best Buy supera estimativas e ações disparam

terça-feira, 23 de agosto de 2016 16:08 BRT
 

(Reuters) - A Best Buy registrou lucro trimestral muito mais alto que o esperado em itens de saúde e vestíveis, como relógios inteligentes, e a maior varejista de eletrônicos dos Estados Unidos elevou sua previsão de lucros, fazendo com que suas ações subissem mais de 18 por cento.

Os resultados contrariaram uma sequência de performances fracas na categoria de eletrônicos por competidores como a Target e a Wal-Mart.

Além de relógios inteligentes, a Best Buy disse aumentaram a demanda por itens como sistemas de hometheater e grandes utensílios domésticos, categorias onde a Target e o Wal-Mart tipicamente não têm uma parcela de mercado significativa, de acordo com analistas. As vendas de celulares e jogos caíram, setores em que as outras varejistas também tem uma presença considerável.

As vendas de celulares caíram em todo o setor devido a uma escassez de novos produtos. O presidente-executivo da Best Buy, Hubert Joly, disse que espera que a demanda aumente neste trimestre e no próximo, com as introduções programadas de novos produtos atraindo consumidores.

As vendas online da Best Buy como porcentagem da receita doméstica cresceram para 10,6 por cento, ante 8,6 por cento no segundo trimestre encerrado em 30 de julho, ajudados por embarques mais rápidos e melhoras no processo de checkout e funcionalidade de busca, disse Joly.

A Best Buy disse que espera crescimento percentual de um digito na receita operacional do ano fiscal, ante uma projeção anterior de resultados "aproximadamente estáveis".

(Por Nandita Bose, Subrat Patnaik)