Brookfield e parceiros devem comprar NTS da Petrobras por US$5,2 bi, diz fonte

terça-feira, 6 de setembro de 2016 17:54 BRT
 

Por Tatiana Bautzer

SÃO PAULO (Reuters) - A Petrobras fechou acordo para vender 90 por cento de sua participação na unidade de gasodutos Nova Transportadora do Sudeste (NTS) para um grupo de investidores liderados pela canadense Brookfield Asset Management, por 5,2 bilhões de dólares, disse à Reuters nesta terça-feira uma fonte com conhecimento direto do assunto.

O grupo de investidores inclui o fundo de pensões de British Columbia, no Canadá, e os fundos soberanos CIC (China) e GIC (Cingapura).

O acordo para a venda da NTS será submetido ao Conselho de Administração da Petrobras, e o fechamento do negócio é esperado para o final de setembro, segundo a fonte.

Procurada, a Petrobras informou que não vai comentar o assunto. A Brookfield também disse que não irá se manifestar.

O acordo deverá ser o maior desinvestimento até o momento dentro do plano da Petrobras de vender cerca de 15 bilhões de dólares em ativos em 2015 e 2016.

Em 11 de maio, a Reuters informou que a Brookfield havia entrado em negociações exclusivas para adquirir a NTS. O período de exclusividade expirou em 12 de agosto.

As negociações demoraram mais que o estimado porque as partes e seus conselheiros jurídicos e econômicos tiveram que concordar com novos contratos estabelecendo a relação comercial entre a Petrobras e a NTS, segundo a primeira fonte e duas outras pessoas com conhecimento direto do assunto.

As três pediram para manter o anonimato porque não são autorizadas a falar publicamente sobre os negócios.   Continuação...

 
Sede da Petrobras no Rio de Janeiro, Brasil
21/03/2016 REUTERS/Sergio Moraes