Refinaria da Petrobras Reduc deve retornar à operação até dia 12

terça-feira, 6 de setembro de 2016 16:09 BRT
 

RIO DE JANEIRO (Reuters) - A Petrobras (PETR4.SA: Cotações) prevê que a Refinaria Duque de Caxias (Reduc), no Estado do Rio de Janeiro, que precisou ser paralisada a partir de 31 de agosto para manutenção não programada após uma falha no fornecimento externo de energia, retorne às operações até 12 de setembro, informou a empresa.

Uma das 15 refinarias da Petrobras, a Reduc tem capacidade para processar cerca de 240 mil barris por dia.

A empresa confirmou ainda que, na manhã de segunda-feira, a tampa de concreto sobre o tanque na Unidade de Recuperação de Enxofre da Reduc cedeu.

Entretanto, negou que o fato tenha causado impacto na retomada das operações da refinaria que, segundo a empresa, está sendo feita gradativamente, diferentemente do que informou o sindicado à Reuters.[nL1N1BH134]

"Não houve feridos e a tampa já foi substituída. A Petrobras irá investigar as causas do incidente", afirmou em nota.

A Petrobras não deu informações sobre sua estratégia para suprir o mercado de combustíveis e limitou-se a dizer que "o abastecimento ao mercado continua sendo atendido, sem impactos".

(Por Jeb Blount)