Bovespa fecha em alta de 1% acompanhando Wall St após alerta de diretora do Fed

segunda-feira, 12 de setembro de 2016 17:46 BRT
 

Por Paula Arend Laier

SÃO PAULO (Reuters) - A Bovespa fechou em alta nesta segunda-feira, na esteira de ganhos nos pregões em Wall Street, após a diretora do Federal Reserve Lael Brainard alertar contra a retirada de apoio à economia dos Estados Unidos.

O Ibovespa subiu 1,01 por cento, a 58.586 pontos. O volume financeiro somou 7 bilhões de reais.

Pela manhã, o Ibovespa chegou a recuar 0,8 por cento, com investidores cautelosos ante a possibilidade de Brainard acompanhar o tom adotado por outros membros do banco central norte-americano, que indicaram que os argumentos para o aumento dos juros se fortaleceram.

"O novo normal de hoje recomenda prudência na remoção da política expansionista", disse Lael Brainard em seu discurso preparado para o Chicago Council on Global Affairs.

"A sua fala foi mais branda do que muitos imaginavam", disse a corretora Guide Investimentos em nota a clientes.

Em Wall Street, o S&P 500 fechou em alta de 1,47 por cento.

Na sexta-feira, o Ibovespa teve a maior queda diária em sete meses, entre outros fatores, devido a comentários do presidente do Fed de Boston, Eric Rosengren, que reavivaram apostas de alta dos juros já na próxima semana.

O pregão brasileiro fechou com agentes financeiros na expectativa da votação na Câmara dos Deputados que pode cassar o mandato do deputado suspenso Eduardo Cunha (PMDB-RJ). A sessão está marcada para as 19h.   Continuação...