Unidade de refinaria da Petrobras no Paraná para produção após danos por ventania

quarta-feira, 14 de setembro de 2016 12:31 BRT
 

RIO DE JANEIRO (Reuters) - A Petrobras informou nesta quarta-feira que uma forte ventania danificou na terça-feira o compressor de gases da Unidade de Craqueamento da refinaria paranaense Getúlio Vargas (Repar), o que impactou a produção no local.

A Petrobras disse ainda que produção na unidade da quinta maior refinaria do país deverá ser retomada ainda nesta quarta-feira.

A Repar tem capacidade para processar 207.563 barris de petróleo, sendo responsável por aproximadamente 12 por cento da produção nacional de derivados de petróleo.

A Petrobras não detalhou os reflexos na produção de combustíveis, devido à manutenção necessária na unidade de craqueamento, e afirmou que o suprimento de combustíveis atendido pela Repar não foi impactado.

"A Petrobras ressalta que não houve riscos ou danos às pessoas, meio ambiente e instalações, e o reparo está em andamento para retomada da produção da unidade ainda hoje", afirmou a companhia em nota.

A petroleira explicou ainda que, como parte dos procedimentos de segurança, os gases da unidade foram enviados para a tocha, para que fosse feito o descarte seguro.

(Por Marta Nogueira)