Leilão de 50 mil t de milho da Conab vende 79% do volume ofertado

quinta-feira, 15 de setembro de 2016 11:32 BRT
 

SÃO PAULO (Reuters) - O leilão de 50 mil toneladas de milho de estoques públicos realizado pela Companhia Nacional de Abastecimento (Conab) nesta quinta-feira, em Mato Grosso, negociou 39,6 mil toneladas, ou 79 por cento do volume, informou a agência estatal.

O leilão obteve resultados melhores que as duas ofertas anteriores realizadas em agosto, cada uma de 50 mil toneladas, quando foram vendidos 68 por cento e 52,4 por cento dos volumes oferecidos.

No leilão desta quinta-feira, no qual a Conab vendeu milho colhido três safras atrás (2012/13), houve uma redução de preços de abertura.

Na atual oferta, os valores iniciais para os negócios giram entre 21,15 reais e 25,92 reais por saca. No leilão de 23 de agosto, o valor mais baixo de abertura dos negócios era de 24,45 reais por saca.

Alguns lotes tiveram disputa e registraram ágio sobre o preço inicial sugerido pela Conab. Em Lucas do Rio Verde e em Sorriso, compradores pagaram mais de 10 por cento acima do preço de abertura.

O objetivo do governo federal com os leilões de milho tem sido regularizar o mercado e atender os criadores que utilizam o milho na ração animal.

Os preços do grão subiram recentemente para níveis recordes em função de exportações históricas na última temporada e uma recente quebra de safra.

A Conab faturou 15,7 milhões de reais com a venda do milho nesta quinta-feira.

(Por Gustavo Bonato)