Agricultor precisa continuar tendo opção após fusão Bayer-Monsanto, diz comissária da UE

quinta-feira, 15 de setembro de 2016 11:44 BRT
 

PARIS (Reuters) - A comissária da União Europeia para Competição, que monitora a concorrência nos mercados no bloco, Margrethe Vestager, disse nesta quinta-feira que agricultores precisam continuar a ter opção na hora de comprar sementes e pesticidas, após o anúncio da fusão entre as gigantes Bayer e Monsanto.

A empresa alemã de medicamentos e agroquímicos fechou na quarta-feira a compra da norte-americana Monsanto, do setor de sementes, por 66 bilhões de dólares.

Margrethe acrescentou que o mercado agrícola já está bastante concentrado, com um pequeno número de competidores globais dominando o setor.

(Por Mathieu Rosemain)