Bolsas nos EUA avançam com menor expectativa de alta de juros nos EUA; Apple sobe pelo 4º dia

quinta-feira, 15 de setembro de 2016 18:27 BRT
 

Por Noel Randewich

(Reuters) - Os principais índices acionários dos Estados Unidos subiram cerca de 1 por cento nesta quinta-feira, impulsionados pela melhor sequência de ganhos da Apple em quatro dias desde 2014, pelo avanço nos preços do petróleo e por dados fracos da economia norte-americana, que reduziram as expectativas por alta de juros na próxima semana.

O índice Dow Jones subiu 0,99 por cento, a 18.212 pontos, enquanto o S&P 500 ganhou 1,01 por cento, a 2.147 pontos. O índice de tecnologia Nasdaq avançou 1,47 por cento, a 5.249 pontos.

As ações da Apple subiram 3,4 por cento, dando o maior impulso aos três índices, com a notícia de que o primeiro lote de seu iPhone 7 Plus foi totalmente vendido globalmente.

Dados mostraram que as vendas no varejo e a atividade industrial nos EUA caíram mais que o esperado em agosto. Outros relatórios, mostrando desaceleração no crescimento do emprego e queda na atividade manufatureira no mês, diminuíram ainda mais as expectativas de que o Federal Reserve, banco central dos EUA, aumentará os juros na reunião da próxima semana.

Operadores diminuíram as apostas em uma alta de juros no encontro de 20 e 21 de setembro para 12 por cento, após a divulgação dos dados econômicos, ante 15 por cento mais cedo, segundo a ferramenta FedWatch, da CME Group.

O índice do setor de energia do S&P 500 subiu 1,09 por cento, com os ganhos nos preços do petróleo. As ações da Chevron subiram 1,10 por cento.

Com as ações da Apple avançando 12 por cento ao longo das últimas quatro sessões, as ações de fornecedores da gigante de tecnologia também subiram. A fabricante de chips Skyworks Solutions subiu 6,38 por cento e foi o maior ganho percentual do S&P 500.