Marfrig faz 1º embarque de carne bovina in natura do Brasil para EUA

segunda-feira, 19 de setembro de 2016 10:09 BRT
 

SÃO PAULO (Reuters) - A empresa de alimentos Marfrig realizou seu primeiro embarque de carne bovina in natura para os Estados Unidos, em um negócio que, segundo a empresa, é o primeiro do gênero no país após a recente abertura do mercado norte-americano, informou a companhia em uma nota na noite de domingo.

O contêiner embarcado tem carne produzida nos dias 14 e 15 de setembro, no frigorífico de Bataguassu, no Mato Grosso do Sul, informou a Marfrig, em nota.

Segundo a empresa, nas outras cinco unidades já listadas para os EUA a produção começará de acordo com o programa produtivo da companhia.

Negociado há anos, o acordo para comércio de carne in natura entre Estados Unidos foi finalizado em agosto.

O mercado dos EUA, os maiores consumidores globais de carne bovina, poderia representar exportações de 900 milhões de dólares para o Brasil, segundo estimativa do governo brasileiro, que também aponta benefícios indiretos do acordo, como a posterior a abertura de outros mercados como Japão e Coreia do Sul, importadores de carne de alta qualidade.

O Brasil é o maior exportador global de carne bovina.

"Com a abertura do mercado americano, a indústria brasileira terá uma excelente oportunidade para ocupar parte significativa da quota, sem taxação, de 64 mil toneladas destinadas ao Brasil e outros países da América Latina, uma vez que esse volume nunca foi totalmente atingido", destacou a Marfrig, na nota.

O Brasil já vende carne industrializada para os EUA (maior importador do produto brasileiro), mas não cortes in natura.

(Por Gustavo Bonato)

 
Frigorífico da empresa de alimentos Marfrig em Promissão, São Paulo.   07/10/2011      REUTERS/Paulo Whitaker