Marfrig usa avião para exportar 1ª carga de carne bovina in natura aos EUA

terça-feira, 27 de setembro de 2016 15:19 BRT
 

BRASÍLIA (Reuters) - O primeiro carregamento de carne bovina in natura do Brasil a chegar aos Estados Unidos, após acordo bilateral, foi desembarcado naquele país de avião na segunda-feira, marcando o início de um movimento promete ser bastante rentável para frigoríficos e para as exportações brasileiras.

A carga, de duas toneladas, foi negociada pelo frigorífico Marfrig, disse nesta terça-feira o ministro da Agricultura, Blairo Maggi, antecipando-se a uma divulgação da empresa.

"São vários embarques que foram feitos nesses dias. O que chegou lá foram duas toneladas em avião, só para que a companhia pudesse marcar posição como primeira empresa brasileira lá. Foi bem pequeno, dá para um churrasco", afirmou ele a jornalistas.

A empresa confirmou posteriormente a exportação aérea, algo incomum no transporte de carne, mas não deu detalhes de volumes nem sobre a estratégia ou custos da operação.

O primeiro embarque de carne in natura da Marfrig chegou dias antes dos primeiros contêineres da empresa, por navio, aportarem naquele país.

A JBS , maior produtora global de carnes, também já anunciou embarques para os EUA, um mercado que deverá estar entre os cinco destinos da carne brasileira até 2017, segundo afirmou um executivo da companhia à Reuters na última sexta-feira.

(Por Anthony Boadle)