BB e Caixa podem precisar de aporte do governo em 2018, diz Fitch

quarta-feira, 28 de setembro de 2016 15:40 BRT
 

SÃO PAULO (Reuters) - O Banco do Brasil e a Caixa Econômica Federal vão precisar de aporte do governo federal em 2018 para se manterem dentro de regras regulatórias, se nada for feito para corrigir a condição atual, disse nesta quarta-feira um analista da Fitch Ratings em evento em São Paulo.

"Algumas medidas podem ser adotadas para impedir isso, como a venda de alguns ativos para levantar recursos", afirmou Raphael Nascimento, analista de instituições financeiras da Fitch, durante apresentação a profissionais do mercado financeiro.

Nascimento disse que algumas medidas já têm sido tomadas por ambos os bancos, como pagar um volume menor de dividendos aos acionistas. Mas o BB também pode ter que vender sua fatia no argentino Banco Patagonia, opção já admitida pela própria instituição, enquanto a Caixa pode ter que se desfazer de sua participação no Banco Pan, por exemplo.

(Por Aluísio Alves)