Temer diz que PEC dos gastos tem "muita possibilidade de aprovação"

quinta-feira, 6 de outubro de 2016 09:46 BRT
 

(Reuters) - O presidente Michel Temer afirmou nesta quinta-feira que acredita que existe "muita possibilidade de aprovação" da Proposta de Emenda à Constituição (PEC) que impõe um limite para os gastos públicos.

Em entrevista à rádio Jovem Pan, Temer disse que não existe um receio por parte do governo com relação à aprovação da PEC, e lembrou que até o momento seis partidos que formam sua base de apoio fecharam questão para votar a favor da medida que limita o crescimento dos gastos públicos por 20 anos.

"Tenho a sensação, pelas reuniões que tenho tido com deputados e as mais variadas reuniões, que há muita possibilidade de aprovação, aliás, eu digo quase segura a aprovação do teto de gastos", disse Temer.

Está previsto que os deputados que compõem a comissão especial da Câmara dos Deputados que analisa a PEC votem a medida nesta quinta-feira. No plenário da Câmara, o primeiro turno de votação deve ocorrer no início da próxima semana.

Temer também disse na entrevista que vai conversar com sindicalistas, integrantes da sociedade civil e parlamentares antes da apresentação ao Congresso de proposta de reforma da Previdência, para que não seja feito algo "de cima para baixo".

Questionado se o governo estaria sendo rápido o suficiente com o que é preciso para a retomada econômica, Temer argumentou que as medidas estão sendo adotadas passo a passo porque não é possível conseguir que tudo seja aprovado pelo Congresso de uma vez.

(Por Pedro Fonseca, no Rio de Janeiro)

 
Presidente Michel Temer no Palácio do Planalto. 16/05/2016 REUTERS/Ueslei Marcelino