Wal-Mart reduz previsão de lucro para os próximos 2 anos

quinta-feira, 6 de outubro de 2016 13:11 BRT
 

CHICAGO (Reuters) - O Wal-Mart Stores cortou nesta quinta-feira sua previsão de lucro para os próximos dois anos fiscais, em razão de investimentos na sua divisão online, assim como informou que iria desacelerar a abertura de lojas.

As ações da empresa, que realiza nesta quinta-feira encontro com investidores, recuava cerca de 2,3 por cento.

O maior varejista do mundo disse que espera lucros estáveis para o ano que termina em 31 de janeiro de 2018, com investimentos (capex) de cerca de 11 bilhões de dólares. Anteriormente, a empresa previa crescimento do lucro.

O diretor financeiro do Wal-Mart, Brett Biggs, disse que a empresa vai concentrar seus investimentos na remodelação de lojas e no crescimento do comércio eletrônico, com apenas 20 por cento para a abertura de novas lojas.

A empresa vai moderar o lançamento de suas lojas de bairro (Neighborhood Market), afirmou ele.

O Wal-Mart elevou seus investimentos em comércio eletrônico e esforços digitais de cerca de 300 milhões de dólares em 2013 para 1,1 bilhão de dólares este ano, para um total de cerca de 3 bilhões de dólares, excluindo aquisições, de acordo com documentos públicos e balanços.

O comércio eletrônico responde por cerca de 3 por cento das vendas totais do Wal-Mart.

(Reportagem de Nandita Bose)