Wall St avança com ações de energia; Apple sobe com crise da Samsung

segunda-feira, 10 de outubro de 2016 18:30 BRT
 

NOVA YORK (Reuters) - As bolsas de valores dos Estados Unidos subiram nesta segunda-feira, impulsionadas pelo ganho no setor de energia com os preços do petróleo e com a Apple avançando por causa da piora na crise de recall de aparelhos da rival Samsung.

As altas também foram ajudadas pelas pesquisas que mostraram vantagem da candidata democrata Hillary Clinton na corrida presidencial norte-americana, após nova turbulência na campanha do republicano Donald Trump no fim de semana, e pelo debate no domingo entre os candidatos.

Hillary é considerada como a mais positiva para o mercado em parte porque as posições dela são bem conhecidas, afirmaram estrategistas de Wall Street.

O índice Dow Jones subiu 0,49 por cento, a 18.329 pontos. O S&P 500 avançou 0,46 por cento, a 2.163 pontos e o Nasdaq teve ganho de 0,69 por cento, a 5.328 pontos.

As ações da Apple subiram 1,7 por cento, para 116,05 dólares, e atingiram um patamar não visto desde dezembro depois que a Samsung suspendeu a produção do Galaxy Note 7 por relatos de incêndios nos dispositivos substitutos.

Os preços do petróleo subiram, ajudando as ações do setor de energia, depois de a Rússia informar que estava pronta para se unir à Organização dos Países Exportadores de Petróleo (Opep) para reduzir a produção, e o ministro do Petróleo da Argélia afirmar que espera compromisso parecido de outros produtores.

(Por Caroline Valetkevitch)