Presidente do conselho da BHP deixa cargo após adiar aposentadoria por desastre da Samarco

quinta-feira, 20 de outubro de 2016 15:59 BRST
 

LONDRES (Reuters) - O presidente do conselho da BHP Billiton, Jac Nasser, anunciou nesta quinta-feira que não vai tentar a reeleição na assembleia geral da empresa no próximo ano.

Ele disse que, após 10 anos no cargo e depois de supervisionar a resposta inicial da empresa ao rompimento de uma barragem da Samarco, em Minas Gerais, chegou a hora de se aposentar.

Nasser afirmou que pretendia renunciar no ano passado, mas concordou em ficar na maior mineradora do mundo para garantir estabilidade em um momento em que a BHP respondia questionamentos pelo desastre no Brasil.

Agora que a "estrutura básica" da resposta da Samarco está pronta, ele não buscará a reeleição, mas seguirá liderando o conselho interinamente, disse o executivo durante fala na assembleia geral deste ano.

Do lado de fora da assembleia geral, em Londres, brasileiros impactados pelo que foi considerado o maior desastre ambiental da história do país realizaram um protesto.

O presidente executivo da BHP, Andrew Mackenzie, disse que a companhia está trabalhando a todo vapor para corrigir os danos causados e indenizar os afetados.

(Por Barbara Lewis; reportagem adicional de Mamidipudi Soumithri)