Vale tem lucro de R$1,84 bi com alta no preço do minério de ferro

quinta-feira, 27 de outubro de 2016 12:15 BRST
 

Por Roberto Samora

SÃO PAULO (Reuters) - A mineradora Vale, maior produtora global de minério de ferro, relatou nesta quinta-feira lucro líquido de 1,842 bilhão de reais no terceiro trimestre, com maiores volumes vendidos e preços mais altos do seu principal produto.

A companhia reverteu prejuízo de 6,663 bilhões de reais registrado no mesmo período do ano passado, quando a variação cambial havia afetado os resultados.

"Foi um resultado limpo, excelente desempenho operacional e boa geração de caixa... Nenhum impacto de variação cambial, nenhum reconhecimento de provisões ou efeitos extraordinários", disse o diretor-executivo de Finanças e Relações com Investidores da Vale, Luciano Siani, em vídeo.

O resultado líquido, no entanto, caiu 48,6 por cento na comparação com o segundo trimestre, com a mineradora atribuindo essa queda principalmente a variações cambiais, de acordo com relatório da empresa.

O lucro antes de juros, impostos, depreciação e amortização (Ebitda, na sigla em inglês) ajustado da companhia brasileira somou 9,829 bilhões de reais no terceiro trimestre, ante 6,816 bilhões de reais no mesmo período do ano passado.

Segundo Siani, o crescimento do Ebitda ocorreu não somente por preços ligeiramente melhores, mas também "pela redução de custos muito expressiva".

"Para vocês terem uma ideia, apesar de o dólar cotado em reais ter evoluído na média de 3,51 (reais) para 3,25 (reais), o custo da Vale de produção de minério de ferro colocado no porto em dólares caiu de 13,2 dólares para 13 dólares", disse ele.

"Ou seja, se esperaria uma alta, em função da apreciação do real, mas o que ocorreu foi o contrário, uma queda, porque em reais o custo diminuiu ainda mais, compensando a apreciação do real, foi o resultado muito expressivo."   Continuação...

 
Sede da Vale, no centro do Rio de Janeiro.    15/12/2014    REUTERS/Pilar Olivares