Klabin tem lucro de R$31 mi no 3º trimestre

quinta-feira, 27 de outubro de 2016 09:39 BRST
 

SÃO PAULO (Reuters) - A fabricante de papel para embalagens e de celulose Klabin teve lucro líquido de 31 milhões de reais no terceiro trimestre, revertendo prejuízo sofrido um ano antes, mas um desempenho que marcou forte queda na comparação com o resultado positivo do segundo trimestre deste ano.

A companhia teve geração de caixa medida pelo lucro antes de juros, impostos, depreciação e amortização (Ebitda) ajustado de 585 milhões de reais de julho a setembro, avanço de 13 por cento sobre o mesmo período do ano passado e alta de 9 por cento na comparação trimestral.

O resultado veio depois que as rivais Suzano e Eldorado divulgaram desempenhos semelhantes na linha final de seus balanços, impactadas pela combinação de queda nos preços da celulose no período e valorização do real, que reduz o valor das exportações.

No caso da Klabin, ainda houve uma queda no preço dos papéis para embalagens na Europa de 7 por cento sobre o terceiro trimestre do ano passado, informou a companhia.

A Klabin afirmou que, por conta da valorização do real, ampliou a participação da celulose vendida no mercado doméstico para 66 por cento ante 64 por cento no segundo trimestre deste ano. A empresa tem contrato com a Fibria para venda de parte de sua produção do insumo.

A companhia teve alta anual de 36 por cento na receita líquida e de 16 por cento no comparativo trimestral, impulsionada pela continuação do incremento de atividade da fábrica de celulose da companhia recém inagurada no Paraná.

Já a relação de dívida líquida sobre Ebitda caiu de 6,2 vezes ao final de setembro de 2015 para 5,1 vezes no fim do mês passado, ficando abaixo das 5,2 vezes apuradas no término do segundo trimestre.

(Por Alberto Alerigi Jr.)