Petrobras prevê primeiro sistema definitivo de produção em Libra para 2020

quinta-feira, 27 de outubro de 2016 13:35 BRST
 

RIO DE JANEIRO/SÃO PAULO (Reuters) - A produção de petróleo na mega reserva de Libra deverá começar pela área noroeste da jazida, onde um novo sistema definitivo de produção deverá entrar em operação por ano partir de 2020, totalizando quatro sistemas nessa área, informou nesta quinta-feira o gerente executivo da Petrobras para o projeto, Fernando Borges, em entrevista publicada no site da companhia.

Segundo ele, o primeiro sistema terá capacidade de produção de 180 mil barris por dia (bpd), com 17 poços, e o segundo poderá ficar entre 120 mil bpd e 180 mil bpd.

A Petrobras é sócia de Shell, Total, CNOOC e CNPC no projeto de Libra.

(Por Marta Nogueira e Gustavo Bonato)