Ibovespa sobe 0,7% em novembro; rumo do mercado é incerto

sexta-feira, 30 de novembro de 2012 17:49 BRST
 

Por Danielle Assalve

SÃO PAULO, 30 Nov (Reuters) - O principal índice brasileiro de ações recuou nesta sexta-feira, pressionado pelo fraco desempenho da economia brasileira no terceiro trimestre, mas acumulou alta em novembro mesmo com preocupações sobre os riscos fiscais nos Estados Unidos.

O Ibovespa perdeu 0,65 por cento na sessão, a 57.474 pontos. O giro financeiro do pregão foi de 14,3 bilhões de reais, quase o dobro da média diária de 7,2 bilhões de reais em 2012.

Com isso, o índice acumulou alta de 0,71 por cento em novembro e marcou alta de 1,27 por cento no ano.

A economia brasileira cresceu apenas 0,6 por cento no terceiro trimestre deste ano quando comparada com o segundo trimestre, muito abaixo do esperado, com a pior retração dos investimentos em mais de três anos.

"Olhar para frente com esses dados do PIB complica um pouco o cenário. Vemos que será difícil o Brasil chegar a um crescimento de 4 por cento no ano que vem", disse o sócio da Órama Investimentos Álvaro Bandeira.

Isso abriu espaço para uma realização de lucros na bolsa paulista nesta sessão, segundo operadores, após o forte avanço da véspera. A ação da CSN teve a maior queda do dia, de 5,15 por cento, seguida por Gerdau Metalúrgica, com perda de 4,87 por cento.

Entre as blue chips, a preferencial da Vale teve leve alta de 0,27 por cento e a da Petrobras perdeu 2,56 por cento. A ação ordinária da OGX teve queda de 3,12 por cento.

O movimento ofuscou o forte avanço das ações de Eletrobras e Cteep, após o governo federal ter elevado o valor das indenizações de transmissoras de energia elétrica no processo de renovação antecipada de concessões do setor.   Continuação...