Dow e S&P avançam com dados de emprego; Apple volta a golpear Nasdaq

sexta-feira, 7 de dezembro de 2012 19:55 BRST
 

Por Ryan Vlastelica

NOVA YORK, 7 Dez (Reuters) - Os índices Dow Jones e S&P 500 fecharam com leves altas nesta sexta-feira, enquanto o movimento de venda de papéis da Apple derrubou as ações do setor tecnológico, levando o Nasdaq a território negativo e ofuscando um relatório de emprego nos Estados Unidos que superou as expectativas do mercado.

O índice Dow Jones, referência da bolsa de Nova York, avançou 0,62 por cento, para 13.155 pontos. O índice Standard & Poor's 500 teve valorização de 0,29 por cento, para 1.418 pontos. O termômetro de tecnologia Nasdaq caiu 0,38 por cento, para 2.978 pontos.

O volume de negociações no pregão desta sexta-feira foi baixo, dando prosseguimento à tendência da semana de leves movimentações e um volume anêmico.

O S&P 500 fechou a semana com alta de apenas 0,1 por cento, após várias sessões voláteis que repetidamente colocaram ou retiraram o índice do azul. O S&P 500 está apenas 3,8 pontos abaixo da máxima intradia de 2012, que foi de 1.474,51 pontos, atingida em meados de setembro.

Já o Dow Jones acumulou ganho de 1 por cento na semana, enquanto o Nasdaq perdeu 1,1 por cento no período.

Wall Street abriu em alta nesta sexta-feira, após divulgação de relatório de emprego nos Estados Unidos que mostrou geração de 146 mil postos de trabalho em novembro, bem mais do que o esperado, enquanto a taxa de desemprego caiu.

Uma leitura prévia sobre confiança do consumidor em dezembro, no entanto, provocou a erosão desses ganhos, embora os mercados tenham rebatido próximo ao fechamento. O sentimento recuou, em parte, devido a temores sobre os debates a respeito do iminente abismo fiscal --conjunto de aumentos de impostos e cortes de gastos automáticos-- em Washington.

Representando um dos maiores pesos sobre o Nasdaq, a ação da Apple, por sua vez, caiu 2,6 por cento, para 533,25 dólares, ampliando as perdas da companhia na semana para 8,9 por cento.   Continuação...