Milho nos EUA cai pelo 4o dia antes de relatório mensal do USDA

terça-feira, 11 de dezembro de 2012 09:12 BRST
 

NOVA DÉLHI, 11 Dez (Reuters) - Os futuros do milho na bolsa de Chicago (CBOT) caíram pelo quarto dia nesta terça-feira, com as expectativas de analistas de que o Departamento de Agricultura norte-americano (USDA) projetará maiores estoques nos EUA, por conta da baixa demanda por exportação.

O relatório mensal de oferta e demanda do USDA será divulgado às 11h30 (horário de Brasília). Analistas esperam que o departamento eleve sua estimativa para os estoques finais de milho dos EUA em 2012/13.

"O milho cai antes dos dados do USDA e os fundamentos sugerem que o comércio deve continuar no intervalo mais baixo no futuro próximo", disse Jonathan Barratt, chefe-executivo da BarrattBulletin, companhia de pesquisa em commodities baseada em Sydney.

Frisando as preocupações, o USDA reportou inspeções das exportações de milho dos EUA na semana passada em 7,861 milhões de bushels, abaixo do intervalo das estimativas do mercado de 9 milhões a 15 milhões de bushels.

Além disso, relatórios de que uma produtora de alimentos sul-coreana lançou uma licitação internacional por milho e trigo para ração, excluindo o cereal dos EUA, maior fornecedor mundial, pressionaram o grão na CBOT.

Às 9h (horário de Brasília), o contrato março do milho perdia 4,50 centavos, a 7,2550 dólares por bushel.

A soja subia e o trigo operava em queda.

(Reportagem de Mayank Bhardwaj)