Demanda por petróleo será fraca em 2013 com crise na Europa--AIE

quarta-feira, 12 de dezembro de 2012 09:40 BRST
 

LONDRES (Reuters) - A demanda global por petróleo será fraca em 2013, já que a expansão econômica global segue morna, afirmou nesta quarta-feira a principal agência de energia do Ocidente, prevendo níveis confortáveis de oferta da commodity, o que pode aliviar a pressão de preços sobre os consumidores.

A Agência Internacional de Energia (AIE), que assessora nações industrializadas sobre políticas de energia, afirmou que a demanda europeia despencou nos últimos meses, contraindo-se da forma mais intensa desde a crise de 2008/2009 por causa da fraqueza da economia e dos altos preços de produtos petrolíferos.

A contração na demanda europeia vai moderar de forma lenta no decorrer do próximo ano, segundo a agência.

"O crescimento da demanda global deve continuar relativamente fraco em 2013, com base na continuação de uma expansão econômica global morna", disse a AIE em relatório mensal.

A agência previu crescimento da demanda global por petróleo em 2013 para 865 mil barris por dia, 110 mil bpd acima da previsão anterior, o que levará o consumo para uma média de 90,52 milhões de bpd.

 
Unidade de processamento de petróleo no estado Unidade, no Sudão do Sul. A demanda global por petróleo será fraca em 2013, já que a expansão econômica global segue morna, afirmou a principal agência de energia do Ocidente. 22/04/2012 REUTERS/Goran Tomasevic